Preocupamo-nos em ter a nossa casa composta, decorada… no fundo que seja o nosso cantinho. Pense numa sala com sofá, mesa de centro, candeeiros, televisão e móveis, mas com as paredes vazias. Agora imagine a mesma sala mas com quadros nas paredes. Faz toda a diferença, já reparou? Os quadros são muitas vezes vistos como algo menos importante no que diz respeito à decoração, mas na verdade os quadros enriquecem e valorizam não só as paredes mas todo o ambiente, deixam a decoração mais pessoal.

A distribuição dos quadros deve respeitar tanto o gosto de quem mora na casa quanto a disposição dos móveis. Se está na dúvida onde colocar os seus quadros até pode “ensaiar” a sua localização com papéis, para simular a sua localização e formato.

 

Depois é só pensar no estilo da divisão onde pretende colocar quadros e combinar com o seu próprio estilo.

As salas com cores mais sóbrias, habitualmente combinam com fotografias ou telas com cores suaves e traços delicados, e as salas um pouco mais arrojadas vão bem com cores mais fortes e marcantes. No que diz respeito ao conteúdo dos quadros, actualmente são usadas muitas fotografias e até são mais em conta. Pode usar fotografias da natureza ou mesmo fotografias a preto e branco. As paredes cobertas com vários quadros combinados também são uma grande tendência. A verdade é que o mundo da decoração e da arte não tem limites e muito menos regras.

Deixo-lhe aqui algumas imagens para se inspirar.

 

Entretanto espreite a receita do pão-de-ló de Ovar, aqui.

(Visto 119 vezes)

Comentários