Tem dificuldade em aprender línguas? O exercício físico pode ser a solução

“Burro velho não aprende línguas”, já dizia o ditado. A partir de uma certa idade, aprender línguas é um processo difícil e desafiador.
Mas sabia que pode tornar esse processo mais simples? Um novo estudo mostra que treinar durante uma aula de línguas amplifica a habilidade das pessoas para memorizar, reter e entender o vocabulário recém-apresentado.

Nos últimos anos, uma grande quantidade de estudos mostrou que aprendemos de forma diferente se praticarmos exercício. Uma pesquisa feita de Universidade do Texas, sugeriu que alunos em boa forma física apresentam melhores resultados académicos.
Muitos cientistas suspeitam que isso acontece porque o exercício físico altera a biologia do cérebro, tornando-o mais maleável e recetivo a novas informações. No entanto, ainda não há certezas sobre quais os exercícios indicados para facilitar a aprendizagem, quanto tempo é necessário praticá-los e em que momento.

Para ser um pouco mais específico, pesquisadores da China e da Itália focaram-se na aprendizagem de novas línguas na idade adulta. Para ver quais os efeitos que o exercício pode ter sobre o processo, os pesquisadores recrutaram 40 homens e mulheres que estavam a aprender inglês.
Os voluntários foram divididos em dois grupos: o primeiro continuou a aprender inglês como antes, enquanto os outros complementaram as aulas com exercício físico.
Os estudantes que andaram de bicicleta a um ritmo suave, começando 20 minutos antes do início das aulas e continuando por mais 15 minutos, obtiveram melhor desempenho nos testes de vocabulário e memorizaram melhor o que aprenderam.

Embora ainda não haja testes feitos com outros exercícios e que acompanhem pessoas por mais tempo, já é possível comprovar que os treinos ajudam a aprender línguas!
Como também ajudam a perder peso, aqui ficam algumas dicas de dietas que ninguém deve seguir!

(Visto 155 vezes)

Comentários