Considera-se um autêntico “fanático por marisco”? Reserve já o seu lugar n´ “O Mariscador”!

Na sua opinião, um prato rico em marisco é um autêntico manjar dos deuses? Por exemplo, é comum reunir-se com os seus amigos à volta de uma mesa e preparar uma açorda de marisco ou uma feijoada? Somos dois! E, por esse motivo, percebo-o perfeitamente quando chega àquela tarde – ou àquela noite – em que, sim senhor, quer conviver com os seus amigos… mas não lhe apetece muito ser o chef de serviço… Seja então apresentado a “O Mariscador”!

Sendo o lugar ideal para pessoas como nós, “O Mariscador” aposta na diferença pelo trabalho com mariscos de rio, menos conhecidos e valorizados – como lagostim branco de Abrantes, camarinha e caranguejo de Alcochete, e camarão de Vila Franca.

Assumindo-se como uma marisqueira tradicional de estilo descontraído e simultaneamente requintado, “O Mariscador”, do Chef escalabitano Rodrigo Castelo, prima pelo respeito pelos melhores produtos nacionais e pelos tempos de cozedura.

Com uma oferta diferenciada, na qual se destacam as camarinhas desidratadas, o “expresso de caranguejo da meia-noite” e o arroz de lavagante descascado, a nova marisqueira de Lisboa reserva, também, outras opções inovadoras como picante de pinças de lagostim do rio e cevadoto de lagostim do rio sem glúten.

Homenageando os pescadores da apanha, “O Mariscador” propõe a “teca” e a “meia teca”, uma seleção de mariscos como ostras, camarão, mexilhão e casco de sapateira para duas e quatro pessoas, respetivamente.

Numa carta que pretende fugir aos clássicos das marisqueiras, mas onde se impõe o pão e a manteiga caseiros, “O Mariscador” garante, também, uma viagem pelos sabores típicos ribatejanos, onde não faltam croquetes de carne de touro, bife à Mariscador com molho de cogumelos, lombo de atum rabilho no prato e prego do lombo (de atum ou de touro) na “pombinha”, pão doce típico de Santarém.

Natural do Ribatejo, onde garante, há cinco anos, o sucesso da cozinha da “Taberna Ó Balcão”, em Santarém (vencedora de um Garfo de Prata na edição de 2018 do Guia Boa Cama Boa Mesa), Rodrigo Castelo trouxe, ainda, as memórias dos verões passados na Praia da Nazaré para a Praça do Campo Pequeno. Surpreendendo os clientes no final da refeição, as sobremesas (barquinhos de doce de ovos, bolas de berlim, pastéis de nata, arroz doce, leite creme e mousse de chocolate) são servidas numa caixa em lata, tal como se apresentavam nos areais dos veraneantes.

O moderno espaço, assinado pela decoradora Rita Raimundo Glória e embelezado com criações da artista plástica Maísa Champalimaud, disponibiliza, atualmente, 70 lugares sentados no exterior e sete lugares, no interior, ao balcão. Valorizando a criação e o talento nacional, Rodrigo Castelo elegeu Gabriela Pinheiro para criação e desenvolvimento das fardas de todo o staff.

Inaugurado a 2 de julho, “O Mariscador” está aberto todos os dias das 12h00 às 00h00, aconselhando-se reserva telefónica. O bar exterior de cocktails funciona no mesmo horário.

(Visto 96 vezes)

Comentários