História emocionante com papagaio prova que os animais sentem. E muito.

Curiosos. Merecedores do nosso respeito. E companheiros. Acima de tudo, uns companheiros com os quais podemos contar… muito provavelmente até ao fim. Sem dúvida que é com os animais de estimação que partilhamos os momentos de alegria e com os quais dividimos as alturas de maior dor. E se a estima que temos por eles é grande, aquelas que os animais têm connosco pode ser maior… muito maior! E olhe que não falo apenas de cães e gatos. Comova-se lá com esta história emocionante, cujo protagonista… é um papagaio.

Não sei se sabe, mas os papagaios têm uma grande esperança média de vida – em alguns casos, as aves chegam até aos 90 anos. Daí que seja comum esses animais viveram mais do que os donos. Foi o que aconteceu a Sinbad, que esteve 25 anos junto da sua dona… até ao falecimento desta.

Quando a mulher estava já à beira da morte, era obrigatório despedir-se do papagaio, o seu amigo de tantos anos. O vídeo, que está disponível no YouTube, é comovente: o papagaio senta-se ao pé da dona e a filha, com um tom de voz triste, fala tanto com a mãe, como com o animal. Entretanto, Sinbad vai para cima da barriga da mulher e olha ao redor, um pouco confuso e sem dizer nada. Ao mesmo tempo, a dona diz que o ama muito.

Enfim, trata-se de um momento carregado de emoção e que nos prova que, sim, os animais também sentem. E muito.

Para aligeirar um pouco este post, sabia que existem animais que cresceram tanto – mas tanto – que se transformaram… em animais gigantes?! Ah, e fique a saber para que sítios é pode levar os seus amigos tão especiais já nas próximas férias!

(Visto 155 vezes)

Comentários