A tradição do “Menino mija” aproxima-nos mais uns dos outros… e ainda saboreamos um delicioso licor!

Há certas tradições natalícias que são comuns em todas as regiões de Portugal: montar a árvore de Natal semanas antes do dia 25, organizar uma ceia de Natal para reunirmos aqueles de quem mais gostamos, comprar presentes que tenham tudo a ver com os nossos entes mais queridos… No entanto, há outros costumes típicos da quadra, mais locais, que também vale a pena conhecer! Por exemplo, na minha terra natal, existe a tradição do “Menino Mija”!

Remetendo ao próprio Menino Jesus, o nome é engraçado, certo? Mas no Natal açoriano é obrigatório contar com este costume que reúne grupos de peregrinação por casas de familiares e amigos. Além de um grande convívio, a tradição é perfeita para quem gosta de provar uma ou outra bebida alcoólica… mas sempre com moderação.

É que, nessas peregrinações, basta tocarmos à campainha e perguntarmos a quem nos abre a porta: “O Menino mija?”. E a resposta – quase sempre – é positiva! A partir daí, deixam-nos entrar para saborearmos uns licores saborosos! Além disso, em alguns casos, são os próprios anfitriões que fazem o convite: “Lembre-se de que o meu Menino mija cá em casa!”.

Esta tradição faz tanto, mas tanto sucesso nos meus Açores que até já há produtores do licor que se inspiraram neste hábito para fazer uma bebida que, em apenas 15 dias, conseguiu esgotar cerca de três mil litros!

É ou não é evidente o sucesso que esta tradição faz até aos dias de hoje? E, acima de tudo, acaba por proporcionar aquilo que eu acho que é mais importante na quadra natalícia: a interação e a proximidade com os outros. Quem sabe até fazer nascer novas amizades, que durem tanto como este hábito?

(Visto 1.385 vezes)

Comentários