Hoje é dia de comer romãs! Descubra porquê!

Bom, a verdade é que não deve haver um dia específico para comer romãs – este fruto é sempre uma delícia e, ainda por cima, traz inúmeros benefícios para a nossa saúde. Mas hoje, Dia de Reis, é que é mesmo obrigatório provar este fruto!

Afinal, é tradição, em Portugal, comer romãs no Dia de Reis para pedirmos aos Reis Magos tudo o que mais podemos desejar na vida: saúde, dinheiro, amor e paz.

Mas eis o que devemos fazer com as romãs, muito para além de as provar, tal e qual como manda a tradição. Por um lado, temos de pôr três bagos de romã dentro da nossa carteira: assim, é garantido que ela vai ficar recheada de notas durante o Ano Novo!

No entanto, há também quem embrulhe três caroços de romã numa folha de alumínio e coloque-os também na carteira, para que o dinheiro nunca falte. E não só: ainda pode fazer o mesmo e pôr no congelador, para que haja sempre comida por casa e, assim, possa preparar receitas tão deliciosas como esta!

Porque será que a romã está tão associada à sorte? Bom, segundo o que se diz, cada um desses frutos conta com 613 bagos. Ora, há precisamente 613 mandamentos ou provérbios judaicos na Tora. Daí que o povo judeu coma romãs no feriado Rosh Hashanah, enquanto os católicos passaram a provar romãs neste Dia de Reis!

De resto, o fruto também esteve sempre muito ligado a abundância, pela enorme quantidade de sementes e pela forma harmoniosa como elas se colocam na polpa.

Logo, existe esta crença popular de que não há nada como ter romã em casa, no Dia de Reis, para garantir prosperidade e riqueza. Aliás, no livro “O Povo Português: nos seus costumes, crenças e tradições”, Teófilo Braga citou um mandamento popular… e que resume bem todo este hábito anual: “Dia de Reis deitam-se três bagos de romã no lume para o ter aceso, três bagos na caixa do pão e três no bolso do dinheiro para ter dinheiro e pão.”

(Visto 2.510 vezes)

Comentários